A PREDIÇAO DA HISTÓRIA MUNDIAL! UMA BOA MEDITAÇÃO!

As Profecias esclarecem, Nabucodonosor teve um sonho Dn 2. 31 a 33.Visto que ele esqueceu, e os sábios de Babilônia não conseguiram revelar o sonho Dn 2. 1 a 12.O rei colocou no seu coração que mataria todos os sábios de Babilônia Dn 2. 13.O decreto complicaria também a vida de Daniel e dos seus companheiros, se o sonho do imperador não tivesse sido revelado.

Como Daniel era um homem sábio e de muita oração, recomendou a Arioque, oficial da guarda do imperador, tempo para ele e seus companheiros suplicarem ao único Deus Eterno a interpretação do sonho Dn 2. 14 a 17.

Daniel foi para a sua casa, e fez saber o caso a Hananias, Misael e Azarias, seus companheiros, ambos caíram de Joelhos em orações e súplicas, pedindo ao seu único Deus, que revelasse o sonho, o Altíssimo respondeu as orações deles e revelou o sonho a Daniel Dn 2. 17 a 23.

O profeta comunicou a Arioque, que, tinha recebido do Altíssimo a revelação do sonho, foi levado na presença do imperador, e Daniel interpretou o sonho ao imperador Dn 2, 24 a 38.Dizendo: “Tu, ó rei, estavas vendo, e eis aqui uma grande estátua; esta estátua, que era imensa, cujo esplendor era excelente, e estava em pé diante de ti; e a sua aparência era terrível” Dn 2. 31.

Descrição da estátua simbólica do sonho do imperador Nabucodonosor: “A cabeça daquela estátua era de ouro fino; o seu peito e os seus braços de prata; o seu ventre e as suas coxas de cobre.

As pernas de ferro; os seus pés em parte de ferro e em parte de barro” Dn 2. 32 a 33.

Interpretação do sonho, a cabeça de ouro da Estátua, representou simbolicamente o império=Babilônia, governante=Nabucodonos-> Ano=606 a 538 a C.

O peito e os braços de prata da estátua, representaram o império=Medo-Persa, governantes=Ciro & Dario-> Ano=538 a 331 a C.

O ventre e as coxas de metal da, representaram o império Grego, governante=Alexandre o Grande> Ano=331 a 168 a C.

As pernas e os pés em ferro e barro, representaram o império romano, governantes=imperadores diversos-> Ano=168 a C. a 538 d C.

Como o quadro Profético citado acima se trata da história mundial, a estátua simbólica representou os quatros reinos mundiais que, antecederam o quinto Reino, ou seja, o reinado do MessiasIs 11. 1 a 10…

Tanto a Estátua da visão do imperador Dn 2. 31 a 33.Quanto os quatros animais simbólicos Dn 7. 1 a 7. Representaram quatros reinos na terra, mundiais e abrangentes, demonstrações de que, o quinto Reino, ou seja, o Reino Messiânico também será mundial Dn 7. 14 a 18.Também na terra e abrangenteIs 11. 1 a 10; Mt 5. 5; Sl 25. 12, 13; Sl 37. 9, 11, 22, 29, 34; Pv 2. 21; Is 60. 21; 57. 13; At 17. 26.

Todo mundo sabe que os três impérios mundiais e abrangentes citados, que, antecederam o império romano, principalmente Babilônia, Grécia, também eram idólatras, iguaizinhos Roma, no sentido de levantar estátuas para os súditos adorar, tanto é que Nabucodonosor, imperador do primeiro império levantou uma enorme estátua de ouro, para os súditos de o império adorarem Dn 3. 1 a 7.Razão de, jamais a estátua do sonho do rei, um instrumento pagão de adoração, poderia representar o quinto Reino, ou seja, o Reino do Messias Is 11. 1 a 10…Que, também será na terra Dn 7. 14 a 18.Também será mundial e abrangente Dn 7. 13 a 18.E está prestes a se manifestar, Governante= Cristo-> Ano=Mil anos Ap 20. 6.

O Leão da tribo de Judá não apareceu entre os quatro animais da visão do profeta Dn 7. 1 a 8.E nem em nenhuma parte da estátua da visão do imperador Nabucodonosor Dn 2. 31, 32.

Apareceu na Profecia representado por uma pedra cortada sem mãos Dn 2. 45.Que feriu a estátua até os pês, “e se fez um grande monte, e encheu toda a terra” Dn 2. 35. Aplica-se ao quinto Reino Dn 7. 9 a 14.Que também será mundial Dn 7. 14 a 18.Também na terraabrangente Mt 5. 5; Sl 25. 12, 13; 37. 9, 11, 22, 29, 34; Pv 2. 21; Is 60. 21; 57. 13. At 17. 26; At 17. 26.

Memorizando! O quadro acima! A cabeça de ouro da Estátua, representou simbolicamente o império=Babilônia, governante=Nabucodonos-> Ano=606 a 538 a C.

O peito e os braços de prata, representaram o império=Medo-Persa, governantes=Ciro & Dario-> Ano=538 a 331 a C.

O Ventre e as coxas de metal, representaram o império Grego, governante=Alexandre o Grande> Ano=331 a 168 a C.

As Pernas e os pés em ferro e barro, representaram o império romano, governantes=imperadores diversos-> Ano=168 a C. a 538 d C.

Visão dos quatros animais “No primeiro ano de Belsazar, rei de babilônia, teve Daniel um sonho e visões da sua cabeça quando estava na sua cama; escreveu logo o sonho, e relatou a suma das coisas.

Falou Daniel, e disse: Eu estava olhando na minha visão da noite, e eis que os quatro ventos do céu agitavam o mar grande.

E quatro animais grandes, diferentes uns dos outros, subiam do mar” Dn 7. 1 a 3.

“O primeiro animal era como leão, e tinha asas de águia; enquanto eu olhava, foram-lhe arrancadas as asas, e foi levantado da terra, e posto em pé como um homem, e foi-lhe dado um coração de homem” Dn 7. 4.

O Primeiro animal não era um leão, era como se fosse, e também representou simbolicamente o império de=Babilônia, governante=Nabucodonos-> Ano=606 a 538 a C.

“Continuei olhando, e eis aqui o segundo animal, semelhante a um urso, o qual se levantou de um lado, tendo na boca três costelas entre os seus dentes; e foi-lhe dito assim: Levanta-te, devora muita carne” Dn 7. 5.O segundo animal e as suas características também representou o império=Medo-Persa, governantes=Ciro & Dario-> Ano=538 a 331 a C.

“Depois disto, eu continuei olhando, e eis aqui um terceiro animal, semelhante a um leopardo, e tinha quatro asas de ave nas suas costas; tinha também este animal quatro cabeças, e foi-lhe dado domínio” Dn 7. 6.O terceiro animal e as suas características também representou o império Grego, governante=Alexandre o Grande> Ano=331 a 168 a C.

“Depois disto eu continuei olhando nas visões da noite, e eis aqui o quarto animal, terrível e espantoso, e muito forte, o qual tinha dentes grandes de ferro; ele devorava e fazia em pedaços, e pisava aos pés o que sobejava; era diferente de todos os animais que apareceram antes dele, e tinha dez chifres” Dn 7. 7.quarto animal e as suas características também representou o império romano, governantes=imperadores diversos-> Ano=168 a C. a 538 d C.

“Estando eu a considerar os chifres, eis que, entre eles subiu outro chifre pequeno, diante do qual três dos primeiros chifres foram arrancados; e eis que neste chifre havia olhos, como os de homem, e uma boca que falava grandes coisas” Dn 7. 1 a 8. O chifre pequeno e as suas características representaram o ministério religioso apóstata do anticristo, derrubaram o último imperador de Roma em 538 d C. Foi assumirem os domínios do império, logo criaram a injusta inquisição, os instrumentos de torturas, para punirem principalmente os Santos do Altíssimo, tirania que durou mais ou menos 1260 anos, ou seja, de 538 d C. Até mais ou menos 1798 de C.

Perderam o poder político mais ou menos em 1798, Napoleão Bonaparte o cérebro engenhoso abriu caminho para este fim.

Agradecemos principalmente a Deus, as demais pessoas que ajudaram a tirar o poder político do ministério apóstata citado, ou seja, de mandar matar qualquer pessoa que questionasse a sua tirania nos tempos inquisitórios, a partir de 1798 para cá, exercem somente o pode religioso, jamais o poder político.

Embora tenham perdido o poder político, mais ou menos em 1798, espiritualmente continuam reinado sobre os milhares de rupturas religiosas agregadoras e transmissoras de sinais de heresias perversos nocivos da mensagem do ministério apóstata citado, principalmente sobre as rupturas supostas reformistas, que, também agregam heresias perversas nocivas da mensagem do clero romano, ou seja, do ministério apóstata citado, que, Lutero passou para a suposta reforma religiosa, na mensagem que, tentou reformar, também atitude perversa também da parte, também das rupturas batistas do Sétimo Dia, das rupturas adventistas, que, também ajudam o ministério apóstata citado a se destacarem como o principal ministério religioso vendedor de heresias nocivas, também de Contextos dos Escritos dos apóstolos alterados e acrescentados, tanto o ministério apóstata citado quanto o seu guia, cairão na vinda do Messias 2 Ts 2. 8…

Revelação do quinto Reino, ou seja, do reinado do Messias! “o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído; e este reino não passará a outro povo; esmiuçará e consumirá todos esses reinos, mas ele mesmo subsistirá para sempre. Da maneira que viste que do monte foi cortada uma pedra, sem auxílio de mãos, e ela esmiuçou o ferro, o bronze, o barro, a prata e o ouro; o grande Deus fez saber ao rei o que há de ser depois disto. Certo é o sonho, e fiel a sua interpretação” Dn 2. 44, 45.

A “Pedra cortada sem auxílio de mãos” Dn 2. 44, 45.Aplica-se ao Monarca do quinto Reino, ou seja, ao Messias, “ferirá a estátua nos pés de ferro e de barro, e os esmiuçou. Então foi juntamente esmiuçado o ferro, o barro, o bronze, a prata e o ouro, os quais se fizeram como pragana das eiras do estio, e o vento os levou, e não se achou lugar algum para eles; mas a pedra, que feriu a estátua, se tornou grande monte, e encheu toda a terra” Dn 2. 34, 35.

Visto que os quatros reinos mundiais comentados que antecederam o quinto, ou seja, o reinado de Cristo, foram mundiais Dn 7. 14 a 18.Terrenos e abrangentes Is 11. 1 a 10; Mt 5. 5; Sl 25. 12, 13; Sl 37. 9, 11, 22, 29, 34; Pv 2. 21; Is 60. 21; 57. 13; At 17. 26.O do Messias também será Dn 7. 14 a 18.

Para falar da história mundial: Além de precisar comentar os cincos reinos mundiais, destacar o quinto, ou seja, o reinado do Messias também mundialDn 7. 14 a 18.Também na terra abrangente Is 11. 1 a 10; Mt 5. 5; Sl 25. 12, 13; Sl 37. 9, 11, 22, 29, 34; Pv 2. 21; Is 60. 21; 57. 13; At 17. 26. É preciso falar também da primeira páscoa, que foi celebrada no EgitoEx 12.Da primeira Ceia celebrada em memória da morte dos primogênitos do Egito Ex 12. 29 a 36. Também da saída dos filhos de Israel de lá Ex 12. 37 a 51.Também fazem parte da história mundial.

Falar também da Igreja de Deus, fundada por João Batista na Galileia At 10. 37.Também das rupturas que foram concretizadas no Corpo da Entidade,da apostasia, também da grande tribulação que os Santos sofreram principalmente no coliseu de Roma, na injusta inquisição, também fazem parte da história mundial.

Daniel, disse: Que, antesda manifestação do Messias, da implantação do seu Reino Is 11. 1 a 10.Também mundialDn 7. 14 a 18.Também naterra abrangente Is 11. 1 a 10; Mt 5. 5; Sl 25. 12, 13; Sl 37. 9, 11, 22, 29, 34; Pv 2. 21; Is 60. 21; 57. 13; At 17. 26. Se levantaria o ministério religioso apóstata do anticristo, ministrado por um guia religioso tirano, que além de perseguidor dos Santos, seria alterador de Regulamentos e contextos Bíblicos Dn 7. 25.Criadores da injusta inquisição, dos instrumentos de torturas, para perseguirem e punirem principalmente os Santos do Altíssimo, comentário nas Páginas ao decorrer.

Visto que o assunto é a história mundial, é necessário falar principalmente da Igreja de Deus? Portadora da Mensagem dos Mandamentos da Lei contida na Bíblia Sagrada completos, não vão além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, jamais agregam sinais de heresias perversos nocivos na mensagem que recebem e entregam.

A Entidade que o Mestre disse: “Estarei com vocês todos os dias, até a consumação dos séculos” Mt 28. 20.

A partir da morte de João Batista Mt 14. 1 a 12. O Mestre agregou os discípulos de João Batista Jo1. 43 a 51…Ou seja, assumiu o comando da Entidade, também passou Instruções, mais tarde subiu com eles da Galileia para Jerusalém, antes de ser sacrificado no Monte Santo Mt 27. 46; Mc 15. 34.Mandou-os expandirem o Reino por todo o mundo Mt 28. 19; Mc 16. 15; Lc 24. 47; At 1. 8.

A partir do momento que os discípulos foram revestidos do Espírito Santo At 2. 4. Eles começaram a Missão, no sentido de expandirem o Reino de Deus por todo o mundo Mt 28. 19; Mc 16. 15; Lc 24. 47. Acabaram de selar os 144 mil, doze mil de cada tribo de Israel Ap 7. 1 a 8. Partiram para as nações estrangeiras.

A era Éfeso Ap 2. 1 a 7. Ou seja, a primeira era da Igreja, foi uma das mais abençoadas do mundo!“Conheço as tuas obras, e o teu trabalho, e a tua paciência, e que não podes sofrer os maus; e puseste à prova os que dizem ser apóstolos, e o não são, e tu os achaste mentirosos” Ap 2.2.

Até 325 d C. Ou seja, em toda a era Éfeso Ap 2. 1 a 7.Omundo conheceu apenas a Igreja de Deus citada, fundada por João Batista na Galileia At 10. 37.

A partir de 325 d C. Ou seja, na era Esmirna Ap 2. 8 a 11. O mundo passou a conhecer também uma casta de ministrantes comprometida com o império romano, provocaram a primeira ruptura no Corpo da Entidade, com o exila mento de Ário, destacado Presbítero em Alexandria. “Conheço as suas aflições e a sua pobreza; mas você é rico! Conheço a blasfêmia dos que se dizem ser judeus mas não são, sendo antes sinagoga de Satanás” Ap 2. 9. Também o Contexto citado, se refere a uma casta altiva e facciosa de ministrantes da Igreja, que, passaram a servir os imperadores romanos como religiosos oficiais do império, concretizaram a primeira ruptura no Corpo da Entidade, deram origem ao império religioso romano, criadores da injusta inquisição, dos instrumentos de torturas, para punirem principalmente os Santos do Altíssimo, para se cumprirem as Profecias Dn 7. 25; Ap 12. 13, 17; Ap 13. 1 a 17; 2 Ts 2. 1 a 8…

A grande tribulação dos Santos, sendo comidos pelos leões… no coliseu de Roma, sendo torturados nos instrumentos de torturas, nos injustos julgamentos inquisitórios, também fizeram parte da história mundial.

Daniel, disse: Que, antes da manifestação de Cristo, e da implantação do quinto Reino mundialDn 7. 14 a 18.Também na terraabrangenteIs 11. 1 a 10; Mt 5. 5; Sl 25. 12, 13; Sl 37. 9, 11, 22, 29, 34; Pv 2. 21; Is 60. 21; 57. 13; At 17. 26.Se levantaria o ministério religioso pagãodo anticristo, ministrado por um guia religioso tirano, que além de perseguidor dos Santos, seria alterador de Regulamentos e contextos Bíblicos Dn 7. 25.Criadores da injusta inquisição, dos instrumentos de torturas, para perseguirem e punirem principalmente os Santos do Altíssimo.

A grande tribulação citada, se cumpriu com os Santos, Nero, também imperador romano, pôs fogo em Roma. Em 9 de junho de 68 d.C. E colocou a culpa nos Santos, foram parar no coliseu. O sofrimento dos Santos que foram comidos pelos leões, alguns foram queimados vivos, também fazem parte da Grande tribulação

“E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me: Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro” Ap 7. 14…Se tratam de pessoasportadoras da Mensagem dos Mandamentos da Lei de Deus contida na Bíblia Sagrada completos, não foram além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, jamais agregaram sinais de heresias perversos nocivos na mensagem que receberam e entregaram e foram vítimas ou dos leões… no coliseu de Roma, ou dos instrumentos de torturas inquisitórios, para se cumprirem as Profecias Dn 7. 25; Ap 12. 13, 17; Ap 13. 1 a 17; 2 Ts 2. 1 a 8…

As perseguições… mais terríveis da grande tribulação, aconteceram a partir de 538 d C. Ou seja, a partir do momento que,o ministério do anticristo derrubou o último imperador de Roma, assumiram os domínios do império, logo criaram a injusta inquisição, os instrumentos de torturas, para punirem principalmente os Santos do Altíssimo.

A “grande tribulação” acabou a partir do momento que o clero perdeu o poder político, ou seja, a partir do momento que foram proibidos de perseguirem literalmente os Santos, como perseguiram nos tempos inquisitórios.

O clero ainda exerce o poder religioso, jamais sobre os Santos portadores da mensagem dos Mandamentos da Lei de Deus completos e não vão além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19…Ou seja, jamais agregam sinais de heresias perversos nocivos principalmente da mensagem do clero romano agregados na mensagem que recebem ou entregam.

O poder que eles exercem sobre religiosos, é sobre as rupturas religiosas portadoras de mensagens mais abomináveis do mundo, ou seja, de mensagens dos Mandamentos da lei de Deus incompletos, vão alémDt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, agregam sinais de heresias perversos nocivos da mensagem do clero, na mensagem que recebem e entregam.

A reforma religiosa, também faz parte da história mundial, além de o mundo conhecer também o clero romano, agregadores e transmissores de heresias nocivas, perseguidores principalmente dos Santos do Altíssimo, foram 4 eras, ou seja, mais ou menos 1260 anos de atrocidades do tribunal inquisitório principalmente contra os Santos do Altíssimo, para se cumprir também as Profecias Dn 7. 25; Ap 12. 13 a 17; Ap 13. 1 a 17; 2 Ts 2. 1 a 8….

Perseguições e maus tratos que começaram a partir da era Pérgamo Ap 2. 12 a 17.Ou seja, a partir de 538 d C. E se estenderam até a era Filadélfia Ap 3. 7 a 13. Ou seja, até mais ou menos 1798 d C.

Na era Filadelfia Ap 3. 7 a 13. Ou seja,apartir do início do século xvi, quase no fimda injusta inquisição, o mundo passou a conhecer também a suposta reforma religiosa de Lutero, composta por rupturas supostas reformistas, também ministradas por mensageiros portadores de uma das mensagens mais abomináveis do mundo, uma das mensagem dos Mandamentos da lei de Deus incompletos, também vai além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, também agregam sinais de heresias perversos nocivos da mensagem do clero romano, na mensagem que recebem e entregam para as pessoas que ministram.

Tanto é que Lutero passou os principais sinais de heresias perversos nocivos da mensagem deles, para a suposta reforma religiosa, na mensagem que tentou reformar, também atitude perversa também da parte dos ministrantes supostos reformistas, que, também ajuda o clero romano a se destacar como principal ministério vendedor de Regulamentose contextos bíblicos alterados.

Os bons entendedores sabem, Mensageiros do Messias entregam a Mensagem dos Mandamentos da lei de Deus completos, jamais vão além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, jamais agregam sinais de heresias perversos nocivos, principalmente da mensagem do clero na Mensagem que recebem e entregam.

Embora Lutero se tratava de um ministrante oriundo do império religioso romano, também portador da linhagem da Igreja, como também passou os principais sinais de heresias perversos nocivos da mensagem do clero romano, para a suposta reforma religiosa, ou seja, para as rupturas supostas reformistas, na mensagem que tentou reformar, não tem como as rupturas supostas reformistas mudarem a sua história religiosa, e nem a sua genética espiritual, embora também sejam portadoras da linhagem da Igreja, também são “meretrizes”, ou seja, também “prostituições e abominações da terra” Ap 17. 5.Também tentam o único Deus Eterno contaminando a terra Is 24. 4 a 6.No sentido de também transgredirem a lei 1Jo 3. 4.

Na última era da Igreja, ou seja, na era Laodiceia Ap 3. 14 a 22. O mundo passou a conhecer também as rupturas apóstatas era Laodiceia Ap 3. 28. Também fazem parte da história mundial, também portadoras de uma das mensagens mais abomináveis do mundo, também dos Mandamentos da lei de Deus incompletos, também vão além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, também agregam sinais de heresias perversos nocivos na mensagem que entregam para as pessoas que ministram.

O primeiro rompimento concretizado na era Laodiceia citada, aconteceu nos EUA, também se contaminaram com heresias nocivas da mensagem do clero romano, também da mensagem das rupturas supostas reformistas  no país Americano, se espalharam principalmente pelas Américas, também no Brasil, transmitindo  sinais de heresias perversos nocivos e opostos a Instrução contida na Bíblia Sagrada na mensagem que entregam para as pessoas que ministram, principalmente na celebração da Ceia, nos mil anos de reinado de Cristo, a mensagem deles também é uma aberração.

Se também não “comprarem roupas brancas para se vestirem, para que não pareça a vergonha da sua nudez. “Colírio para os olhos, para que enxerguem” Ap 3. 18. Ou seja, se também não filtrarem a mensagem que entregam, a fornalha de fogo esquentará também para eles Mt 1. 42.

Mensagem contaminada, ou seja, que agrega sinais de heresias perversos nocivos e opostos a Instrução contida na Bíblia Sagrada,não contribui na expansão do Reino de Deus Mt 18. 19; Mc 16. 15: Lc 24. 47… Em nada, pelo contrário, atrapalha.

volta de Cristo também faz parte da história mundial.

Têm pessoas que reclamam que Cristo está demorando tanto para voltar, diante de tantas rupturas religiosas, de tantos mensageiros entregando a mensagem dos Mandamentos da lei de Deus incompletos, indo além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, agregando sinais de heresias perversos nocivos na mensagem que recebem e entregam, queriam o quê? Que Cristo já tivesse voltado?

Na era Sardes Ap 3. 1 a 6.Ou seja,quase no fim da injusta inquisição, a situação já era caótica, no sentido de que Cristo contava com poucas pessoas a disposição para expandirem o Reino Ap 3. 4.No sentido de tanto o clero romano quanto os mensageiros das rupturas supostas reformistas agregavam sinais de heresias nocivos, na mensagem que entregavam Ap 3. 4.

Com as rupturas apóstatas era Laodiceia Ap 3. 18.Também agregando heresias nocivas, o quadro piorou Ap 3. 14.No sentido o Mestre passar a contar com menos pessoas dignas a sua disposição na expansão do Reino de Deus Ap 3. 18.Razão de Ele ainda não ter voltado.

Se não tivesse acontecido rupturas também na era Laodiceia Ap 3. 18. Todas as Igrejas de Deus espalhadas fariam parte do mesmo Corpo, todos falariam uma mesma língua espiritual, ou seja, todos fariam parte da mesma fé, todos estariam à disposição do Mestre, principalmente no sentido da expansão do Reino de Deus Mt 28. 19; Mc 16. 15; Lc 24. 47; At 1. 8.Todas seriam portadoras da Mensagem dos Mandamentos da lei de Deus completo, todas não iriam além Dt 4. 2; 12. 32; Pv 30. 6; Ap 22. 19… Ou seja, nenhuma agregaria sinais de heresias perversos nocivos na mensagem que recebem e entregam, o Messias já teria voltado com certeza.

“A terra pranteia e se murcha” Is 24. 4. Também por causa das rupturas apóstatas Ap 3. 18.Era Laodiceia Ap 3. 14.Pelo fato de ambas também agregarem sinais de heresias perversos nocivos na mensagem que entregam, mensagem contaminada é inútil, em vez de ajuntar, espalha.

Os bons entendedores atribuem a demora da vinda do Mestre, também para as rupturas apóstatas era Laodiceia Ap 3.18.Também se apostataram da fé, também fazem parte da história mundial, não somente por também se tratarem de rupturas do Corpo da Igreja, por também agregarem sinais de heresias nocivos na mensagem que recebem e entregam, também passaram a espalhar, no sentido de também contrariarem a Palavra de Deus em vários pontos fundamentais de fé, principalmente na celebração da Ceia, nos mil anos de reinado de Cristo, a mensagem deles também é uma aberração, também dificultando na expansão do Reino Mt 28. 19; Mc 16. 15; Lc 24. 47; At 1. 11.Também se colocam na porta, também não entram, e também não deixam as pessoas que ministram entrarem no Reino de Deus.

De uma vista que foi feito apelos para ambas às rupturas: “Sai dela povo meu” Ap 18. 4.

“Sai dela” Ap 18. 4.Aplica-setambém no sentido de as pessoas saírem do meio dos mensageiros agregadores e transmissores de heresias perversos nocivos.

O diluvio de águas Gn 7. 17 a 24.  Também fizeram parte da história mundial, é lamentável saber que vivemos um quadro parecido, visto que somente o Justo Noé e sua Família foram encontradas servindo o único Deus Altíssimo 2Pe 3. 20; 2Pe 2. 5.

Pelo andar da carruagem, as coisas vão se repetirem, cuidado!a fornalha de fogo está prestes a ser aquecida, para o acerto de conta com todos os agregadores e transmissores de sinais de heresias nocivos Mt25. 41? 13. 41, 42; Ap 21. 8…

Posted in Sem categoria.